Por favor utilize o seu dispositvo na vertical para visualizar o site.

Mais próximos de tudo e de todos

No CDS-PP Madeira é privilegiado o contacto direto com as populações, mas enquanto partido atento às mutações sociais, esse trabalho (...)

07/03/2017

No CDS-PP Madeira é privilegiado o contacto direto com as populações, mas enquanto partido atento às mutações sociais, esse trabalho tem sido complementado com o potencial das redes facebook e twitter, mas também através de páginas próprias e sites.

Como quase tudo o que concorre para o frenesim da vida coletiva contemporânea, também o dia-a-dia dos partidos é muitas vezes condicionado pelo pulsar da sociedade.

Nestes tempos de massificação da comunicação, em que as pessoas são literalmente torpedeadas com informações complexas, difusas e muitas vezes enganosas, os partidos têm o dever acrescido de redobrar esforços para que essa ferramenta poderosa que é a comunicação se faça com objetividade, clareza e realismo.

É uma evidência. O mediatismo tem retirado espaço à racionalidade e à serenidade. Os partidos não são imunes a esta realidade social e devem ter condições para inverter a tendência para a massificação da informação. O tempo das organizações partidárias não deve ser obrigatoriamente o tempo de uma comunicação social altamente concorrencial e, por isso mesmo, sem espaço para a necessária reflexão à tomada de decisões políticas que, por princípio, vão determinar o presente e o futuro das populações.

Comunicar bem e fazê-lo com a maior proximidade possível, de forma eficaz, precisa e entendível por todos, é com certeza uma das condições para reduzir o afastamento das populações dos eleitos.

O excesso de informação não é propício a uma tomada de consciência coletiva responsável, mas ninguém poderá viver indiferente ao que se passa nas redes sociais. É indispensável para os partidos a utilização deste meio popular de comunicar, para fazer chegar a sua mensagem às pessoas sem interferências de terceiros.

No CDS-PP Madeira é privilegiado o contato direto com as populações, mas enquanto partido atento às mutações sociais, esse trabalho tem sido complementado com o potencial das redes facebook e twitter, mas também através de páginas próprias e sites.

O sítio do CDS-PP Madeira na internet, que se apresenta totalmente remodelado e com uma imagem mais arejada e funcional, vai aproximar os dirigentes do partido das estruturas concelhias locais, dos deputados, autarcas, militantes e simpatizantes. Mas irá, acima de tudo, permitir o acesso das populações da Madeira e Porto Santo a uma informação privilegiada – e em primeira mão – dos assuntos, propostas, ideias e iniciativas mais relevantes para melhorar a vida das pessoas, mudar o rumo da economia regional, contribuir para fortalecer o papel dos empresários, resolver o desemprego, a pobreza, a exclusão social e elevar os padrões de qualidade na saúde, educação e ambiente.

Contamos com a sua colaboração!

 

O presidente do CDS-PP Madeira

 

António Lopes da Fonseca

Últimas Notícias

  • PERGUNTAR NÃO OFENDE

    O Presidente do Governo Regional diz que “não faz sentido” a tolerância de ponto no dia 12 de maio para quem quer seguir as cerimónias (...)

    03/05/2017

  • Assista à intervenção Nuno Melo, eurodeputado do CDS PP, no debate sobre a situação na Venezuela, que teve lugar na sessão plenária em Estrasburgo.

    “A Venezuela é um país irmão que acolhe mais de um milhão de portugueses e lusodescendentes. A Venezuela vive uma tragédia. (...)

    19/04/2017

  • Nélio Soares é candidato do CDS à freguesia da Sé

    Nélio Soares é director comercial e já foi delegado de informação médica Nélio Soares é nome daquele que vai ser o candidato do CDS/PP (...)

    19/04/2017